BLOG DA PLATÃO ENERGIA

Quinta-feira, 01 de Setembro de 2017

Projeto oferece 60% de desconto para compra de sistemas fotovoltaicos residenciais

O projeto, chamado de “Bônus Eficiente Linha Fotovoltaica”, é uma parceria entre a Celesc e a ENGIE Solar que subsidiou em 60% a aquisição de sistemas fotovoltaicos residenciais para mil catarinenses. Esta semana o projeto comemora o número de 500 equipamentos já instalados. A iniciativa é um marco para a energia solar no país, tanto por sua proposta inédita quanto pelo número de unidades disponibilizadas. Para se ter uma ideia, em todo o Brasil, existem apenas 13.200 desses sistemas conectados à rede elétrica.

Um dos sistemas instalados pelo Bônus foi o de Joice Mara da Cunha, moradora de Florianópolis. “Já recebemos nossa primeira conta de energia após a instalação do sistema fotovoltaico e a economia foi de quase R$ 150. Pagávamos R$ 160 por mês em média e agora a tarifa foi de apenas R$ 14,65”, afirmou.

O projeto contou com R$11,3 milhões do Programa de Eficiência Energética ANEEL/Celesc, e tem como objetivo acelerar a popularização da microgeração de energia em Santa Catarina. Os consumidores aprovados adquiriram sistemas fotovoltaicos de 2,6 kWp, pagando apenas R$ 6.682,33, ou seja, 40% do custo total praticado no mercado.

“É uma ação de eficiência energética inédita em território nacional considerando o subsídio à microgeração com sistema fotovoltaico. Santa Catarina estará na vanguarda dessa tendência. Vamos quadruplicar o número de residências no estado com esses sistemas e a potência total instalada passará dos atuais 2,8MW para 5,4 MW”, declarou Cleverson Siewert, presidente da Celesc.

Ao todo, mais de 11 mil catarinenses se inscreveram no projeto, sendo que os mil primeiros que cumpriram os pré-requisitos foram contemplados. Entre os pré-quisitos estavam: Consumidor estar adimplente com a Celesc, a residência possuir área disponível mínima de 20m² no telhado e ter consumo mensal de 350 kWh ou acima, nos últimos 12 meses.

O presidente da Engie Solar, Rodolfo Souza Pinto, informou que a instalação de todos os sistemas será realizada até o fim de 2017. “Temos experiência nesse mercado, o que garante a qualidade e segurança de nossos serviços. Os sistemas do projeto têm garantia de desempenho por 25 anos.”

Os interessados em informações de como receber o bônus devem se cadastrar no site do projeto Bônus Eficiente Linha Fotovoltaica